O Governo de São Paulo estima a renúncia fiscal em R$ 563 milhões até o final do ano, e uma redução média de R$ 0,17 no preço do litro do etanol nos postos.

Em Minas, o anúncio foi feito pelo governador em rede social. Segundo Romeu Zema, a iniciativa manterá a competitividade do biocombustível, "importante gerador de empregos em nosso Estado". Com a queda no preço da gasolina, o etanol tinha deixado de ser vantajoso para o consumidor.

A Associação das Indústrias Sucroenergética de Minas Gerais (Siamig), estima uma queda de R$ 0,33 por litro nas bombas do Estado.

O preço do etanol hidratado caiu nos 26 Estados e no Distrito Federal na semana passada. O menor valor registrado na pesquisa da ANP foi de R$ 3,40 o litro, em Minas Gerais, enquanto o maior preço foi de R$ 7,89, no Rio Grande do Sul.

Veja também: