A operação foi focada em doze estabelecimentos, todos localizados no Centro da Capital.

As diligências resultaram na apreensão de 3,5 toneladas de produtos falsificados que estavam em posse de fábricas, lojas e ambulantes.

Os itens incluem máscaras, fantasias e adereços de carnaval, peças de vestuário, chaveiros, canecas, brinquedos e outros objetos.

Além da apreensão de mercadorias falsas ou ilegais, os policiais conduziram 12 pessoas ao DEIC para prestar esclarecimentos.

* Com informações do Portal do Governo