Em relação a igual período do ano anterior, no acumulado de 12 meses houve recuo de -0,7% e no acumulado de 2020 a queda foi de -1,7%.

A Fundação Seade estima que o PIB paulista deve fechar 2020 com retração entre -1,1% e -0,1%.

Para 2021, as projeções indicam que a economia do Estado de São Paulo pode crescer entre +4,3% e +5,6%.

Veja também: