A montadora chinesa fabricou seu 100.000º veículo em abril de 2021.

A NIO também acaba de anunciar a instalação de sua 900ª estação de troca de baterias na China. A tecnologia dá às pessoas a opção de adquirir os EVs da NIO por um preço menor, sem baterias, no modelo de vendas Battery as a Service (BaaS). A subscrição mensal permite que os clientes visitem as estações da NIO para substituir baterias drenadas por totalmente carregadas, um processo que leva apenas alguns minutos. Isso aumenta a conveniência para os proprietários de EV, e traz receita de assinatura para a NIO.

Em janeiro, a NIO inaugurou a primeira estação de troca de baterias fora da China, na Noruega, onde a fabricante chinesa pretende ter um total de 20 dessas instalações em 2022. Cerca de 180 dos 200 carros da NIO comercializados na Noruega, foram vendidos sem baterias.

NIO Power. Foto: © NIO
NIO Power. Foto: © NIO

A fabricante chinesa também está investindo na infraestrutura de recarga, com mais de 7.000 pontos na China, e mesmo nas estações de troca de baterias há carregadores rápidos de 150 kW.

Fundada em novembro de 2014, a NIO é pioneira no mercado de veículos elétricos de luxo da China, com sua sede global localizada em Xangai. A montadora planeja fornecer serviços nos mercados da Alemanha, Holanda, Suécia e Dinamarca ainda este ano, disse Qin.

Recarga domésticaA recarga doméstica é muito mais lenta comparada às estações de troca ou pontos de recarga.
A recarga doméstica é muito mais lenta comparada às estações de troca ou pontos de recarga.

Veja também: