Os dados fazem parte do estudo Indicadores Imobiliários Nacionais 2T 2020, apresentados à imprensa na segunda-feira (24) pelo Presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), José Carlos Martins e pelo Vice-Presidente da área de Indústria Imobiliária da CBIC, Celso Petrucci.

No segundo trimestre de 2020, destaca-se a queda no lançamento de unidades (-60,9%) e nas vendas (-23,5%) na comparação com igual período de 2019.

Reprodução © Youtube/CBIC
Reprodução © Youtube/CBIC

No primeiro semestre, foram lançadas 37,6 mil unidades contra 67 mil no 1º semestre do ano passado, recuo de -44%. A maior queda percentual foi no Nordeste (-60%), com 6,7 mil unidades a menos que no mesmo período de 2019. Em número de unidades, o Sudeste sofreu o maior impacto (-18 mil imóveis).

Fonte: CBIC/CII. Elaboração: © CBIC
Fonte: CBIC/CII. Elaboração: © CBIC

O Programa Minha Casa Minha Vida (MCMV) respondeu por 55% (9,3 mil imóveis) dos lançamentos do 2º trimestre (16,7 mil unidades).

Número de unidades residenciais lançadas no 2º trimestre de 2020. Fonte: CBIC/CII. Elaboração: © CBIC
Número de unidades residenciais lançadas no 2º trimestre de 2020. Fonte: CBIC/CII. Elaboração: © CBIC

* Com informações da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai)

Veja também:

Leitura recomendada: