A Secretaria Municipal da Saúde anunciou que recebeu na terça-feira (19) cerca de 360 mil doses da vacina da Pfizer/BioNTech, quantidade que viabiliza administrar o imunizante no intervalo recomendado pelo fabricante, de 21 dias entre as injeções, em maiores de idade residentes na capital paulista, antecipando a inoculação de 82 mil pessoas que estavam aguardando a segunda dose por um tempo maior.

Para os jovens entre 12 e 17 anos, a Secretaria manteve o intervalo de 56 dias após a primeira dose da vacina da Pfizer.

Em nota, a SMS reforçou a importância de completar o esquema vacinal, inclusive, com a dose adicional e recomendou o uso do site De Olho na Fila para verificar a disponibilidade dos imunizantes nos pontos de vacinação do município.

Vacinação D1, D2 e DA
Horários de funcionamento a partir do dia 18/10/2021
Mega drive-thrus e farmácias: das 8h às 17h
Megapostos: das 8h às 17h
Unidades Básicas de Saúde (UBSs): das 7h às 19h
AMAs/UBSs Integradas: das 7h às 19h

Primeira dose (D1)

  • Elegíveis indivíduos a partir de 12 anos

Segunda dose (D2) Pfizer

  • 21 dias após a 1° dose para maiores de idade
  • 56 dias após a 1° dose para jovens entre 12 e 17 anos

Dose Adicional (DA)

  • Idosos com mais de 60 anos que completaram o esquema vacinal (segunda dose ou dose única) há pelo menos 6 meses.
  • Pessoas com alto grau de imunossupressão com mais de 18 anos que completaram o esquema vacinal há pelo menos 28 dias.
  • Trabalhadores da saúde com mais de 18 anos que completaram o esquema vacinal há pelo menos 6 meses.

Documentos para dose Adicional

  1. Documento de identidade
  2. Comprovante físico ou digital de vacinação
  3. Comprovante de endereço no município de São Paulo quando as doses anteriores não foram recebidas na capital paulista

* Com informações da Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo (SMS)

Veja também: