Portaria publicada na edição de hoje (17) do Diário Oficial da União define o calendário para novos pagamentos do auxílio emergencial.

De acordo com a portaria, o público beneficiário do auxílio emergencial passa a receber conforme ciclos de créditos em poupança social digital da Caixa. Os saques em espécie ou transferências também seguirão calendário definido por mês de nascimento.

Nas datas abaixo, os recursos estarão disponíveis apenas para o pagamento de contas, de boletos e de compras realizadas por meio de cartão de débito virtual.
Nascidos em:4ª parcela5ª parcela
janeiro22 de julho28 de agosto
fevereiro24 de julho2 de setembro
março29 de julho4 de setembro
abril31 de julho9 de setembro
maio5 de agosto11 de setembro
junho7 de agosto16 de setembro
julho12 de agosto18 de setembro
agosto14 de agosto23 de setembro
setembro17 de agosto25 de setembro
outubro19 de agosto28 de setembro
novembro21 de agosto28 de setembro
dezembro26 de agosto30 de setembro

Os beneficiários que tenham recebido a primeira parcela em maio de 2020 receberão o crédito da terceira parcela em poupança social digital seguindo o mesmo cronograma acima.

Esse cronograma também será válido para os beneficiários que receberam a primeira parcela em junho de 2020 ou até 4 de julho de 2020. Nesse caso, será feito o crédito da segunda parcela.

E quem ainda não recebeu a primeira parcela, também receberá o crédito conforme esse cronograma. Esse é o caso dos beneficiários que tenham se cadastrado no programa entre os dias 17 de junho a 02 de julho de 2020.

O calendário previsto no Anexo II da Portaria nº 428, de 25 de junho de 2020 passa a vigorar conforme o calendário da 4ª parcela abaixo.

Os recursos serão liberados para saques e transferências da poupança social digital para outras contas bancárias nas seguintes datas:
Nascidos em:4ª parcela5ª parcela
janeiro25 de julho19 de setembro
fevereiro1º de agosto22 de setembro
março1º de agosto29 de setembro
abril8 de agosto1º de outubro
maio13 de agosto3 de outubro
junho22 de agosto6 de outubro
julho27 de agosto8 de outubro
agosto1º de setembro13 de outubro
setembro5 de setembro15 de outubro
outubro12 de setembro20 de outubro
novembro12 de setembro22 de outubro
dezembro17 de setembro27 de outubro
O eventual saldo existente na poupança social digital será transferido automaticamente para a conta em que o beneficiário recebeu a primeira parcela
Para o grupo dos trabalhadores beneficiários do Bolsa Família, os pagamentos seguem o calendário original do programa. Assim, a quarta parcela será paga entre 20 e 31 de julho e a quinta parcela será paga entre 18 e 31 de agosto.

* Com informações do Ministério da Cidadania, DOU

Veja também:

Leitura recomendada: