O memorando de entendimento entre as duas empresas “permite que ambas as partes capitalizem sua experiência em terapias celulares e forneçam soluções de medicina regenerativa”, resumiu o Escritório de Mídia do Governo de Abu Dhabi.

A Pluristem Therapeutics desenvolve tecnologia de produção de células-tronco mesenquimais e comercializa produtos de terapia celular. A empresa é focada no tratamento de doenças graves do sangue, cardiovasculares, autoimunes e outras.

A Pluristem relatou dados robustos de ensaios para seus candidatos a produtos de células PLX patenteados e está atualmente conduzindo ensaios clínicos em estágio final em várias indicações.

De acordo com a empresa, a terapia experimental baseada em células da placenta se mostrou promissora após ser administrada compassivamente a seis pacientes em estado crítico internados em três hospitais de Israel. Eles apresentavam falência respiratória e complicações inflamatórias associadas ao coronavírus SARS-CoV-2 mas se recuperaram após o tratamento.

Acredita-se que os candidatos a produtos de células PLX liberem uma variedade de proteínas terapêuticas em resposta à inflamação, isquemia, trauma muscular, distúrbios hematológicos e danos por radiação.

Por sua vez, o ADSCC relatou o uso eficaz de nebulizadores para tratar casos de Covid-19 com células-tronco provenientes do próprio sangue do paciente.

O nebulizador é um dispositivo de entrega de drogas que ajuda um paciente a inalar um medicamento através de uma máscara ou bocal.

O projeto conjunto objetiva a administração de células PLX usando tecnologias de nebulização em pacientes com casos graves de Covid-19.

A colaboração permitirá que o ADSCC expanda suas opções de terapia com células-tronco usando células PLX, enquanto a Pluristem poderá contar com a experiência do ADSCC para desenvolver um novo meio de administrar o medicamento.

“Embarcar nesta jornada com Pluristem, para superar um dos desafios médicos mais complexos desta geração, marca um novo capítulo emocionante cheio de possibilidades quando se trata de compartilhamento de conhecimento e inovação médica. Nossa parceria fala muito sobre o poder da colaboração entre parceiros em fronteiras anteriormente divididas", disse o Dr. Yendry Ventura, Gerente-Geral do ADSCC.

As especialidades do ADSCC incluem imunologia, hematologia, terapia clínica com células-tronco, biologia molecular, imunoterapia, ortopedia e urologia.

Para Yaky Yanai, CEO e COO da Pluristem Therapeutics, a parceria com o ADSCC é um movimento entre Israel e os Emirados Árabes Unidos que tem o potencial de estabelecer a base para colaborações futuras.

"Enquanto trabalhamos juntos para desenvolver a medicina regenerativa para as principais necessidades médicas não atendidas, em benefício dos pacientes em todo o mundo, estamos entusiasmados com o futuro e suas possibilidades”, disse Yanay na sexta-feira (2), em evento da Malta Conferences Foundation.

* Com informações do The Jerusalem Post, Revista Oeste

Veja também: