As negociações começam na próxima segunda-feira (15).

“A Caixa já tem uma renegociação com 3 milhões de pessoas, com até 90% de desconto. Seiscentas mil pessoas evitaram perder suas casas. […]  Temos um volume significativo de caminhoneiros que também podem evitar perder suas casas a partir de negociação que já tínhamos e ampliamos  para os caminhoneiros”, disse Guimarães. O anúncio foi feito durante live do Presidente Bolsonaro.

Ele destacou que a renegociação é para crédito na CEF.

Para caso de crédito no Banco do Brasil ou Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Bolsonaro disse que estão sendo realizados entendimentos com os dirigentes objetivando haver renegociações nesses bancos.

O presidente da Caixa disse que o governo federal fará um anúncio revolucionário a respeito de crédito imobiliário na terça-feira (20).  Segundo ele, a novidade valerá para novos contratos. “A gente não pode  mexer nos contratos antigos, mas vai gerar bastante demanda, bastante  emprego. Será algo revolucionário”.

* Edição: Frontliner

Nota do Editor: A Caixa lançou no final de maio uma campanha, com duração de 90 dias, de renegociação de dívidas de clientes com débitos em atraso há mais de 1 ano, em torno de 3 milhões devedores PF e 320 mil PJ.