Em 3 de março, quando abriu a janela partidária, a bancada do Partido Liberal (PL) somava 42 deputados. Desde então, filiou 26 parlamentares na Câmara enquanto 6 mudaram para outros partidos.

A maioria dos deputados que migraram para o PL saiu do União Brasil. Após a aprovação da fusão entre PSL e DEM pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), os filiados tiveram 30 dias para permanecer na nova legenda ou mudar de partido.

O União Brasil surgiu com 81 parlamentares. Iniciada a janela partidária, o partido tinha 78 deputados federais. Passadas duas semanas, agora soma 58 deputados – a bancada só atraiu uma nova integrante, Rose Modesto, provável candidata ao governo do Mato Grosso do Sul.

A intensa movimentação ocorre porque a Justiça Eleitoral entende que os mandatos pertencem aos partidos, não ao eleito, e a agremiação pode reivindicar na Justiça o mandato do parlamentar que sair fora do período da janela partidária.

Valdemar Costa Neto comemorou ter levado Jair Bolsonaro para o PL.

"Eu fico pensando da sorte que nós tivemos de poder recebê-lo no nosso partido. Eu nunca imaginei. Eu passei 30 anos correndo atrás de deputado para o meu partido crescer", afirmou em discurso. " Nunca pensei que nós iríamos chegar aonde nós estamos chegando", disse.

Atualização 02/04/2022

Partido/Bloco Bancada

  • PL 73
  • PT 56
  • PP 50
  • UNIÃO 47
  • REPUBLICANOS 45
  • PSD 43
  • MDB 35
  • PSDB 27
  • PSB 25
  • PDT 20
  • Bloco PSC, PTB 17
  • SOLIDARIEDADE 11
  • PROS 9
  • PSOL 9
  • PODE 8
  • NOVO 8
  • AVANTE 8
  • PCdoB 7
  • CIDADANIA 7
  • PATRIOTA 4
  • PV 3
  • REDE 1

Total 513

Veja também: