A participação de pacientes e profissionais de saúde no processo de monitoramento ocorre por meio da notificação, tornando possível identificar novos riscos e atualizar o perfil de segurança dos medicamentos por meio da contínua avaliação da relação existente entre o benefício de seu uso, em relação à doença que se pretende tratar ou prevenir e o risco relacionado ao uso.

Na notificação, é imprescindível informar o lote e o fabricante do produto.

Eventos adversos deverão ser notificados pelo VigiMed:

https://primaryreporting.who-umc.org/Reporting/Reporter?OrganizationID=BR

Queixas técnicas: problemas de qualidade observados antes da utilização dos
medicamentos deverão ser notificados no Sistema de Notificações em Vigilância
Sanitária – Notivisa:

https://www8.anvisa.gov.br/notivisa/frmlogin.asp

* Com informações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)

Veja também: